R. G. Dinelli

R. G. Dinelli

A Polpa Dentária

A polpa é um órgão vivo, situado dentro do dente (câmara pulpar e canal radicular), que contém vasos sanguíneos e nervos. Quando atingida por cáries ou traumas se inflama sendo que sua regeneração é problemática devido a presença de bactérias, tendendo a caminhar para a morte seguida de infecção.

Durante este processo, a polpa pode passar por estágios inflamatórios e degenerativos, com sintomas de dor ao frio, calor, e outros estímulos. Mas pode também ocorrer a morte e infecção na ausência de dor inicial.

Como tratar uma Polpa comprometida?

Inicialmente remove-se a mesma, pois ela pode infectar os tecidos que envolvem a raiz, podendo causar dor e inchaço. O processo infeccioso bacteriano pode destruir o osso ao redor da raiz do dente. Assim, ou se trata o canal, ou se extrai o dente.

POUPA

A extração do dente deve, sempre que possível, ser evitada.

Quando um dente é perdido e não substituído, cria-se desarmonia na oclusão, perda de eficiência mastigatória e estética.

O tratamento endodôntico pode salvar seu dente, custa menos do que a extração e a substituição do mesmo, além de manter o que é seu.

folheto neo2

O que é um tratamento endodôntico?

É basicamente a remoção da polpa inflamada ou mortificada, a limpeza e desinfecção do canal e a obturação do mesmo, vedando totalmente o espaço vazio ocupado anteriormente pela polpa da coroa e da raiz.

Exige uma ou mais consultas que envolvem alguns passos:

Anestesia, que em algumas situações pode não ser necessária.

Isolamento, um lençol de látex é colocado sobre o dente para mantê-lo seco.

Abertura, é feito um acesso na coroa do dente até a câmara polpar.

Remoção da polpa, feita com limas próprias ajustadas no comprimento adequado do dente, juntamente com a limagem irriga-se com substâncias químicas, obtendo-se a limpeza, desinfecção e modelagem do espaço interno, para ser obturado (vedado).

Curativo temporário. Uma medicação antibacteriana poderá ser colocada no interior da câmara e do canal entre uma sessão e outra para manter ou incrementar a desinfecção obtida na fase anterior.

Obturação do canal. O canal geralmente obturado com um material apropriado para seu selamento.

A polpa é removida, o canal é limpo, modelado e obturado.
No estágio final, o dente será restaurado por uma coroa total ou uma restauração parcial para fortalecê-lo e melhorar sua aparência estética.
É muito importante seguir as orientações do seu cirurgião-dentista comparecendo às consultas para o sucesso do tratamento.

folheto neo3

O dente com canal tratado permanece em função sem problemas?

Sim, desde que bem cuidado, pois ele pode cariar novamente sem nenhum sinal de dor, já que o nervo foi removido.

° A restauração deve proteger o dente de fraturas;

° A doença periodontal também pode atingi-lo como a qualquer outro dente;

° A escovação diária e a visita regular ao cirurgião-dentista vai ajuda-lo a manter seus dentes sadios por mais tempo.

CONSULTE UM ESPECIALISTA

A SAÚDE BUCAL É UM PRECIOSO PATRIMÔNIO REFLETIDO NO SORRISO

Realização

logo-cliente

Conselho Regional de Odontologia de São Paulo
Câmara Técnica de Endodontia

Os cirurgiões-dentistas de São Paulo preocupados com a saúde bucal da população.